Com quem sua Lua combina?

Início Lua > Com quem sua Lua combina?

A Lua rege nossas reações emocionais, carências, tipo de sensibilidade e o que nos conforta e nos faz sentir nutridos. Cheque nos signos para saber com quem a sua Lua combina.

 Lua em Câncer combinando com...  

 

Com a Lua em Áries

A Lua em Áries é franca demais para a sensível Lua em Câncer que termina sempre um pouco magoada. Também é independente e individualista sem necessidade de todos os cuidados e atenções que a Lua em Câncer precisa para não se sentir carente e desprotegida.


Finalmente a Lua em Câncer – por sua vulnerabilidade e grande sensibilidade - protege suas emoções e há que se ter mais intimidade e tato para conhecê-las. A Lua em Áries é muito mais corajosa e atirada para viver seus sentimentos e se recupera deles – caso frustrados – muito mais rapidamente e usando a técnica de abrir o jogo. Ao contrário, a Lua Canceriana se fecha e se recolhe para lamber as próprias feridas.

Com a Lua em Touro

Uma das melhores combinações possíveis. A Lua em Touro é fiel, estável e muito sólida nos seus sentimentos e vínculos; tudo o que a Lua em Câncer pediu. Ela é sensível, carente, envolvida e de profundos sentimentos. Quanto mais tempo e intimidade mais devotada e cuidadosa se torna. Um prato cheio para o carinhoso temperamento da Lua Taurina. Convivência harmônica e duradoura.

Com a Lua em Gêmeos

Esta é uma difícil combinação. A Lua em Câncer é emocional, sensível, intimista, necessita de muita atenção, se magoa com facilidade e não esquece o que a tocou. A Lua em Gêmeos tem a memória curta, logo logo a emoção já é outra. Não aguenta o grude das carências e nem o excesso de sentimentalismo.

Sente-se sufocada quando a convivência é muito estreita e precisa trocar com pessoas variadas para se sentir alimentada. Isto para uma Lua em Câncer é leviandade e descompromisso, quando não traição.

Para esta Lua em Gêmeos qualquer emoção se segura na razão, para a outra, a emoção é que deve sempre prevalecer.

Com a Lua em Câncer

Estas duas pessoas têm a capacidade de adivinhar as mais profundas e secretas necessidades um do outro e atendê-las. Passam longos períodos só na companhia um do outro e se sentem abastecidos assim.


A ligação entre eles é baseada em muita intimidade. Cuidam muito bem do outro e se esforçam para que nada falte ou desagrade. Jamais se sentirão abandonados ou negligenciados pelo outro. Sabem exatamente como e quando tocar em questões que sejam delicadas para cada um. Possuem delicadeza nos sentimentos Própria dos que têm inteligência emocional.

Com a Lua em Leão

Esta é uma combinação interessante, com uma visível dedicação maior da Lua Canceriana. A Lua em Leão gosta de ser homenageada, paparicada e prontamente atendida. Gosta que prestem atenção em suas necessidades, de sentir que elas são mais importantes do que as dos outros e que aquilo que sentem ninguém sente igual. Isto é um prato cheio para a necessidade de cuidar, acolher e atender da Lua Canceriana. Esta por outro lado se sentirá emocionalmente protegida ao lado de uma personalidade que mostra tanta veemência, certeza e confiança nos seus sentimentos.

Com a Lua em Virgem

Esta é também uma harmoniosa convivência. Ambos procuram e oferecem segurança emocional. A lua em Câncer causa sempre um efeito protetor nas pessoas com quem se envolve, devido a sua entrega, cultivo dos laços e pronto atendimento das necessidades do outro. Ela está simplesmente lá quando você precisa, ou quando nem sabe que precisa. Isto gera um sentimento de preenchimento muito agradável para se ter com as pessoas com quem desenvolvemos intimidade.


A Lua em Virgem é prestativa, previsível, organizada e prática na sua maneira de viver os sentimentos. Nunca surpreende ou “enlouquece” emocionalmente, o que gera uma base sempre segura e sustentável para um relacionamento emocional.

Com a Lua em Libra

Definitivamente esta não é uma relação fácil. A Lua em Libra é sempre muito ponderada, analítica em relação aos sentimentos e embora isto seja um facilitador na convivência, acaba não se envolvendo muito e nem deixando as emoções “baterem”. Um pecado capital para a sensível Lua em Câncer sempre tomada pelos sentimentos. A Lua em Libra é seletiva em relação aos sentimentos, como que julgando qual é o mais adequado para determinada situação. Para a Lua em Câncer... “São tantas emoções que eu vivi” é o refrão que melhor a descreve.

Com a Lua em Escorpião

Ambos possuem um intensidade emocional que os permite sentir tudo, sem reservas. Assim vivem os extremos da alegria, romance, encantamento, beleza, mas também dramas, tristezas, saudades e dores. A vantagem é que terão sempre a sintonia emocional um do outro em todos estes momentos.


Os de fora dificilmente penetrarão nesta atmosfera emocional que criaram mutuamente. São cúmplices, percebem o que o outro sente sem que precise ser dito. Têm uma espécie de telepatia emocional. Mesmo à distancia intuem o que o outro está passando. Definitivamente criam uma conexão sutil que os mantém “ligados” mesmo na ausência um do outro. Ambos são possessivos, ciumentos e absorventes com quem se relacionam.

Com a Lua em Sagitário

O gosto pela intimidade, proximidade e proteção da Lua em Câncer não combina com a necessidade de liberdade, espaço e aventura da Lua em Sagitário. Esta para se ligar a alguém precisa senti-lo com um alvo inconquistável, porque se ligam mesmo é na busca. Alguém mais distante sempre lhes despertará o interesse. Já a Lua em Câncer além de se sentir insegura por esta permanente insatisfação emocional da Lua em Sagitário, é “rendida” demais para manter o interesse dessa inquieta Lua Sagitariana.


A Lua em Câncer quer o aconchego emocional que as relações conhecidas produzem. A Lua em Sagitário quer o estímulo que as relações desconhecidas despertam.

Com a Lua em Capricórnio

Este é o caso da atração dos opostos. A Lua em Capricórnio é emocionalmente estável, tem uma competência invejável para lidar com as emoções que saem do controle. É totalmente confiável, responsável e comprometida com seus sentimentos. Quanto mais antigo for o vínculo mais podemos contar com ela. Possui uma maturidade emocional que não deixa que caiam nas armadilhas dos sentimentos pueris e fantasiosos.


A Lua em Câncer embora vá sentir falta do romantismo, das demonstrações emocionais que a Lua em Capricórnio jamais lhes dará, sempre terá um fio terra quando suas emoções transbordarem. Isto acalmará. Terá toda a segurança e estabilidade de que necessita para se sentir emocionalmente protegida. Vínculos duradouros.

Com a Lua em Aquário

A necessidade de cultivar vínculos íntimos e profundos com quem estão envolvidos, e de sentir os de fora como agentes invasores do relacionamento sufoca a Lua em Aquário. Esta se sente muito mais alimentada emocionalmente quanto mais pessoas novas e diferentes entram em suas vidas.

É o contato com outras cabeças e outro ambiente que as mantém satisfeitas. Isto dá à Lua em Câncer a sensação de que elas só não bastam para suprirem a necessidade da Lua em Aquário. O que é muito frustrante para uma personalidade que tem tanto para dar.

A racionalidade com que a Lua em Aquário analisa seus sentimentos e a facilidade com que se desfaz deles é imperdoável para a Lua em Câncer sempre tão envolvida com eles. A carga emocional da Lua em Câncer sempre dá para a Lua em Aquário a impressão de que estão esperando deles o que não podem ou não querem dar. Cobrança e ressentimento de um lado e frieza do outro.

Com a Lua em Peixes

Quando duas pessoas sensíveis se encontram, há compreensão mútua e imaginação para criar situações agradáveis um para o outro, o que forma em torno delas uma sintonia perfeita. Parece que têm um código secreto para se comunicar.


Sem palavras. Sem toques. Às vezes mesmo sem se olharem. É como se ouvissem a mesma musica, na mesma hora e se levantassem ao mesmo tempo para dançar juntos. Não precisam pedir.

Cadastre-se para receber nossa newsletter:

Contato

Telefone: (21) 96973-0700

E-mail: comunicacao@marciamattos.com

Redes Sociais:

  • YouTube marcia mattos
  • Instagram marcia mattos
  • Facebook - Marcia Mattos
  • Spotify marcia mattos

© 2019 por Marcia Mattos